:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Je me souviens

Eu te lembro que esta seção tem como dívida explícita o “Je me souviens” de Georges Perec, o livro de Geraldo Mayrink e Fernando Moreira Salles e a série “Ich erinnere mich” publicada no Die Zeit.


.:: mês anterior :: :: :: :: February 2008 :: :: :: :: próximo mês ::.

27 Fevereiro

Eu me lembro

Eu não sei por que eu me lembro do chanceler Pérez de Cuéllar.
14:53:56 - Pinto -

22 Fevereiro

Oh, não!

Há mais fotos...

Eu me lembro (com subida nostalgia) da Traci Lords.
15:33:21 - Pinto -

21 Fevereiro

the sons and the sentidos

soube no nassif - que, provavelmente inspirado na argúcia investigativa da editoria (o corretor aqui pergunta se não é edito ria...) do bloque, vem boxing helena a vezjga - que o grande araken peixoto se foi, mudou de bar, deve estar no harry's, ou no beco das garrafas.

que pena, didjei-manda, que pena...
ou melhor, que trompete, que p. trompete era o cara.
(segui o corret-orto daqui, mas ach'que té errado, pra'mim é trumpete) [Leia mais!]
22:35:58 - George Smiley -

19 Fevereiro

Comandante II

Eu me lembro de ficar reparando no verde da farda e na pistola e no coldre do único segurança que entrou com Fidel no auditório. Lembro do Fidel caminhando até o microfone e, dirigindo-se aos presentes:

- Vocês fizeram boa viagem?

- ...

- Vocês vieram no vôo que faz escala em Buenos Aires, não é?

- ...

- Esse vôo é muito ruim. Estamos tentando uma rota melhor. Sair de São Paulo e ir até Buenos Aires para chegar em Havana não é muito inteligente. Mas o que fazer? Ainda não temos passageiros suficientes para um vôo direto. Um dia isso vai mudar. O turismo tem crescido bastante e, quem sabe quando Lula for presidente, vocês se animem em vir aqui mais vezes. Vamos ver.

Anos depois, eu me lembro do dia em que fiquei sabendo que a Cubana De Aviación estava voando São Paulo - Havana sem escalas.
11:31:00 - Mathieu -

Comandante I

Eu me lembro de estar no auditório do Palacio de Gobierno, em Havana, esperando em silêncio a entrada de Fidel. Éramos cerca de 80 pessoas, entre políticos, militantes e jornalistas brasileiros. Lula tinha acabado de perder a segunda eleição para FHC e, de pé, ao lado de um dos dois microfones colocados à frente do palco, também aguardava em silêncio.
09:27:41 - Mathieu -

.:: mês anterior :: :: :: :: February 2008 :: :: :: :: próximo mês ::.