:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Je me souviens

Eu te lembro que esta seção tem como dívida explícita o “Je me souviens” de Georges Perec, o livro de Geraldo Mayrink e Fernando Moreira Salles e a série “Ich erinnere mich” publicada no Die Zeit.


.:: mês anterior :: :: :: :: January 2010 :: :: :: :: próximo mês ::.

23 Janeiro

as 'casestudyhouses'

glassnost era isso

era assim, tudo junto.

entre críticas veladas e/ou frontais, quase que escondidos víamos aquelas casinhas lindas e adoravamos tudo:
a vida inteira arrumadinha, tudo no seu lugar, cada coisa precisamente posta ali, a serviço da inteligencia ou da delícia.
enxutas como um solo de sax cool.

e ainda cabia uma baguncinha pelos cantos.

pra quem conhecia outra ordem a respeito e carecia até da própria em si, final dos '70`s, era uma alegria ver que a vida podia ser assim:
uma america de mulheres esguias e gentis, c/ largas saias sobre largas ancas, e assim por ela(s) o mundo se apaixonou no pós-2a.guerra.

até ali tudo parecia possível, mas então a bossa nova mal tinha acabado e já tiveramos que rockar todas as torres (eu sei, copidesque, tiveramos é foda mas é isso mesmo, to falando daquela época). [Leia mais!]

.:: mês anterior :: :: :: :: January 2010 :: :: :: :: próximo mês ::.