:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Je me souviens

Eu te lembro que esta seção tem como dívida explícita o “Je me souviens” de Georges Perec, o livro de Geraldo Mayrink e Fernando Moreira Salles e a série “Ich erinnere mich” publicada no Die Zeit.


.:: mês anterior :: :: :: :: May 2011 :: :: :: :: próximo mês ::.

29 Maio

pingado

eu me lembro do tempo das casas de café do interior que serviam o cafézinho de bule, saindo a toda hora o dia inteiro, no balcão, tomado de pé no meio d'alguma conversa vinda da praça.
os balconistas sempre simpáticos serviam um monte de gente no maior pau, c/ uns bulinhos de aço inox, um de leite e um de café em cada mão, começando pertinho da xícara e subindo, subindo até a altura da cabeça, c/o jatinho certinho na xícara.
vai um pingado ou uma média, meu sinhô?
e lá ia um(a) pingado(a) de leite no café, ou vice-versa do café no leite, ou a média, c/os 2 bulinho ao mesmo tempo, na mesma quantidade, na mesma altura e precisão.
isso e um pãozin-de-quejo alegrava qqer ressaca.
um prodígio aqueles garotos e depois garotas também.
00:19:19 - George Smiley -

.:: mês anterior :: :: :: :: May 2011 :: :: :: :: próximo mês ::.