:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


Filmes esquisitos

Nós gostamos mesmo é do escurinho.


.:: mês anterior :: :: :: :: April 2015 :: :: :: :: próximo mês ::.

20 Abril

viva o dia das bicicreta

1943, abril:
um sério e dedicado cientista suíço fecha o laboratorio e vai p/ casa de bicicleta, como fazia todos os dias.
há uma semana andava intrigado: dias antes, depois de lidar c/ um novo composto, qdo foi p/ casa sentiu umas sensações diferentes no caminho.
e nessa 2ª feira, em especial, resolveu provar uma pequena dose do podruto da pesquisa, um remédio que parecia promissor p/ - na sua germanica e candida definição - promover a condição espiritual humana.
e pediu p/ um assistente acompanhá-lo, o que foi sua sorte, pois não fazia a menor idéia do que o lyserg-saure-diathylamid era capaz - e em alemão ainda.

melhor descrição, só c/um transleitor contando c/ suas própias palavras pra coisa toda:

´´O que aconteceu em 19 de abril tornou-se conhecido para a contracultura psicodélica como [o] dia da bicicleta: Hofmann é selvagem, ciclo de duas e meia milha casa (Hofmann's wild, two and a half mile cycle ride home)- andar sem carro sendo disponível porque era tempo de guerra - sob a influência de alucinante da droga poderosa. Ele detalhou a experiência em sua autobiografia de 1980, LSD: minha criança problema. ' Tive que resistir a palavra inteligível (I had to struggle to speak intelligibly).´´

prum cientista suíço, todo certinho, e em alemão ainda, é mole?
e a coisa ainda avança: [Leia mais!]
01:37:57 - George Smiley - Comentar

.:: mês anterior :: :: :: :: April 2015 :: :: :: :: próximo mês ::.