:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


.:: post anterior :: :: :: :: navegue pelos posts :: :: :: :: próximo post ::.

Como é que a gente não teve essa idéia antes?

A dica é do sempre alerta Sérgio Rodrigues, do NoMínimo:

"Eu na verdade não li este livro, mas…"

Coisas da era internet: o blogueiro que se assina Jon Swift – em homenagem escancarada a Jonathan Swift, o grande satirista irlandês – está começando a construir uma lenda como o mais, hmm, “cultuado” leitor-crítico a deixar seus comentários no site da Amazon. Vale a pena dar uma olhada – aqui, em inglês – nas curtas e ferinas “resenhas” de Swift, sempre iniciadas com o bordão “Eu na verdade não li este livro, mas…”.


As resenhas são sensacionais, nos moldes do que fazia o Heine: você elogia, elogia e elogia e o que resulta é a prova contundente de que o elogiado é uma anta cúbica. Mas o blog do cara, no mesmo estilo, é ainda melhor, tirando o sarro da direita americana usando o mesmo linguajar e as mesmas idéias dela. O texto "Not letting the terrorists win", por exemplo, sobre o que fazer para desagradar os terroristas, é de gargalhar.

posted at 13:53:55 on 29-09-2006 by Zeno - Category: Lixo da Internet


Comentários

George Smiley wrote:

...'turn back to our traditional torture values...'!
impagável.
;<>>>>>>>
29-09-2006 14:32:25

Zeno wrote:

Foi a primeira frase que pulou na minha frente...
29-09-2006 14:37:31

Neue Zeit wrote:

Zeno "Jew or not a Jew"?
29-09-2006 15:52:36

Zeno wrote:

Zenonberg, a seu dispor.
29-09-2006 17:01:08

ratapulgo wrote:

ahahahahah

gênio! Não conhecia. Estou rindo muito.
obrigado
06-10-2006 17:54:48


Incluir comentário

Este post está fechado. Não é possível adicionar novos comentários a ele ou votá-lo