:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


.:: post anterior :: :: :: :: navegue pelos posts :: :: :: :: próximo post ::.

fighting harada, campeão



eu me lembro de qdo comecei a odiar japoneis.
foi graças ao éder jofre, sendo 'roubado flagrantemente' (segundo meu pai) lá no japão, vejam a luta toda vcs. mesmos, o cara enfia a mão o tempo todo e no final perde, por pontos.
roubado, claro...

e eu queria matar japoneis nessa época.

mas como eu era desse tamanhinho, e a gente nunca sabia se os caras sabiam lutar karatê, ou box desse jeito, me vi obrigado a ficar na minha.

depois começaram a aparecer umas contradicções nesse processo.
a 1a. foi um pentelho queu detestava no parquinho do clube, mandando embora dum brinquedo 2 mulequinho que tava ali brincando todo felizinho.
fiquei puto, dei um chega pralá no idiota, os 2 mulequinho continuaram onde estavam.
indo embora dali, me dei pensando, onde já se viu? 2 japonenizin tào bunitin e o babaca enchendo o saco...
passado uns dia chega o irmãozão dos carinha, e me agradece a força pros irmãozin.
e o cara era um pão, já então, e boa gente quesó, falou que eu podia contar c/ ele pro que desse e viesse, além doquê.
esqueci na hora do éder jofre, tinha achado um amigo que além doque sabia karatê.
nessa época eu precisava duns amigo assim, era um pequeno encrenqueiro, ou viceversa, talvez.

muntchos anos depois, muitos japas, de ambos os sexos, depois, me aparece 2 maluco e me convida p/ visitar um 'blogue' queles faziam.
eu nem sabia direito o quera isso, mas fui ver.
e caguei de rir c/as merda qos 2 e mais uns amigo fazia lá.
cabei escrevendo no tal blogue, os doido chamaro otros cara tamen, cabamo ficando amigo prachuchú todo mundo, virou um buteco o troço, passo lá toda a tarde p/ ver as novidade e tomar umas.

e um dos cara era meio japa.
digo era pq. nesse país que tudo se mestiça, o cara hoje tá mais p/ tupi c/ mafioso.
e, ficando mais véio, cada vez mais malumorado.
mas ele é tão bunitinho que até puto fica um pão, a coisa mais divertida é falar umas merda prele responder puto.
aí a inteligencia katanápeixeira dele aparece e aí é ir pras corda e se fechar, que lá vem uma chuva de porrada, na 1a. brecha vc. ja era, tem que esperar ele cansar, uma eternidade, e daí encher ele de beijo.

ô sujeito duro na queda.

vam ver se c/os 60 quele faz hoje, ele acalma finalmente.
posted at 06:30:00 on 03-12-2010 by George Smiley - Category: Je me souviens


Comentários

Zeno wrote:

O nosso japonês da redação é o desmentido ambulante da regra do uísque: quanto mais velho, pior.
02-12-2010 09:54:33

RicardoKobashi wrote:

Pôxa, mas eu sou tão calmo e bem humorado que não entendo muito bem essa descrição, mas td bem... rs Valeu, meninos. Lembrando: naquele filme, Stand By me, adorava uma fala: "Do we really ever have friends as good as the ones when we were twelve?" Bem, daqui dos 46, troca esse twelve por forty que tá valendo. Beijos, queridos. E obrigado pela paciência.
02-12-2010 12:34:22

g.s, n-s. wrote:

éveryday
éverdade.
ainouit.
vc. deve ter tido cia* dos pais na infancia.

*e ñ essa m. que anda por aí ranjando encrenca c/ quem ñ deve.
09-12-2010 00:23:17


Incluir comentário

Este post está fechado. Não é possível adicionar novos comentários a ele ou votá-lo